Papilotomia Endoscópica

slider

O que é Papilotomia Endoscópica?

A papilotomia endoscópica é o procedimento de abertura do ducto biliar comum. Tem o objetivo de alargar a abertura da papila duodenal para a drenagem da bile com maior facilidade e para retirada de cálculos que podem estar obstruindo a saída da bile. Também é utilizada em cados de estreitamentos da via biliar, para que se possa utilizar os instrumento de dilatação como as próteses plásticas ou autoexpansíveis.

Como é realizado o exame?

Antes do exame o paciente é orientado sobre o procedimento, a enfermeira punciona uma veia no braço para administração de medicamentos e posiciona um sensor digital na mão para avaliação dos dados vitais (freqüência cardíaca e oxigenação do sangue) durante o exame. Próteses dentárias e aparelhos ortodônticos móveis deverão ser retirados. Antes de iniciar o exame, uma medicação sedativa é aplicada por um médico anestesista, o qual acompanhará todo o procedimento aplicando os medicamentos necessários. Raramente é necessário realizar anestesia geral. Um anestésico em spray é aplicado na garganta para diminuir os reflexos de vômito do local. Uma proteção bucal de plástico é posicionada entre os dentes, para facilitar a passagem do aparelho. É utilizado um duodenoscopio (endoscópio especial) que é um tubo flexível dotado de lentes e uma fonte de luz que permite, através de um monitor, a visualização do esôfago, estômago e duodeno onde se localiza a papila duodenal, na qual desembocam os ductos biliares e pancreáticos.  Após a localização da papila, o endoscopista pode precisar fazer nela um pequeno corte (papilotomia), para penetrar com um tubo plástico (cateter) dentro das vias biliares. Por esse cateter é injetado um contraste que, através do Raio-X, mostra a anatomia dos ductos biliares e pancreáticos. O exame pode terminar aí, ou prosseguir com retirada de cálculos da via biliar, realização de coleta de material dentro da mesma ou colocação de próteses (pequenos tubos plásticos deixados no canal da bile para facilitar sua drenagem).

Preparo

A preparação para a realização do exame consiste em jejum absoluto por 8 horas antes do exame. Pacientes que tomam medicações específicas (para algum tipo de doença) podem ser orientados a modificar as doses, ou mesmo suspendê-los antes do exame. Também é importante informar ao médico sobre alergias a medicamentos, ou a contraste (esse exame utiliza contraste). Alguns pacientes precisam usar antibióticos antes e após o exame.