PHMETRIA ESOFÁGICA

slider

O exame de Phmetria de 24h é, no momento, o padrão ouro para o diagnóstico do Refluxo Gastro-Esofágico, seja o mesmo típico ou atípico, de modo quantitativo e qualitativo.
O referido exame tem a capacidade de estudar os refluxos ácidos gastro-esofágicos do paciente por períodos de 24 horas, período no qual o paciente desempenha suas atividades normais do dia-a-dia. Os dados são registrados em um gravador digital (a exemplo do "holter" cardiológico), de modo a que os refluxos patológicos sejam identificados e qualificados (é possível identificar quando o paciente referiu o sintoma e se este foi ou não em decorrência de episódio de refluxo).
Os dados fornecidos pelo exame da Phmetria Esofágica são utilizados por diversas especialidades, dentre elas a Gastroenterologia, Cirurgia do Aparelho Digestivo, Medicina Interna (Clínica Médica), Pediatria, Pneumologia, Cardiologia, Otorrinolaringologia, Dermatologia e Geriatria.
Indicações para a realização do exame:
Documentar exposição ácida do esôfago em pacientes com endoscopia negativa e sintomas de refluxo;
Pacientes com indicação para cirurgia anti-refluxo;
Avaliar pacientes após cirurgia anti-refluxo com suspeita de persistência de refluxo e pacientes com achados normais e/ou equivocados na endoscopia e sintomas de refluxo refratário à terapêutica clínica;
Avaliar pacientes com manifestações otorrinolaringológicas (laringite, faringite, tosse crônica) de doença do refluxo gastro-esofágico (DRGE);
Detectar DRGE em pacientes com dor toráxica de origem não-cardíaca após avaliação cardíaca;
Documentar DRGE em adultos associada à asma (não alérgica).