Teste Respiratório

slider

Qual a importância do Teste Respiratório com Hidrogênio Expirado para pacientes com queixas digestivas intestinais?
Constatar a intolerância ou má absorção a carbohidratos como a lactose, frutose (os mais frequentes), ou outros carbohidratos como sacarose, sorbitol, xilose, etc.
É utilizado também para determinar o tempo de transito do intestino delgado, denominado de tempo oro-cecal e ainda diagnosticar o supercrescimento bacteriano no intestino delgado, o qual pode constituir um fator importante nos pacientes portadores de Síndrome do Intestino Irritável (SII).

A Síndrome do intestino Irritável (SII) constitui um distúrbio funcional que se manifesta com dor ou desconforto abdominal aliviado com o ato defecatório, associado à alteração do hábito intestinal e característica das fezes. Pode apresentar outros sintomas tais como distensão abdominal, sensação de retenção de gases e flatulência. Não há marcador da doença até o momento, porem os critérios de Roma III para SII usados na avaliação de muitos doentes em estudos recentes demostraram a presença do supercrescimento bacteriano e/ou intolerância a alimentos facilmente fermentáveis, incluindo carbohidratos como a lactose e frutose1.

Os pacientes portadores da SII, dependendo da população ou subtipo da SII avaliadas podem apresentar uma incidência de SCBID variando entre 10 a 84% e esta condição leva a alterações da motilidade intestinal em 86% dos portadores desta síndrome. O uso de antibióticos para o controle da SCBID conduz a uma melhora significativa dos sintomas e normalização do teste respiratório em 75% dos casos2, 3.

Alguns alimentos são facilmente fermentáveis pela flora intestinal causando diarreia, dor abdominal e sintomas relacionados com o aumento da produção de gases intestinais, dentre eles os carbohidratos complexos que constituem a dieta FODMAPs4 sendo proposta à retirada destes alimentos. Por outro lado, a identificação da intolerância especifica a determinados carbohidratos (lactose, frutose) com a utilização do teste respiratório com hidrogênio expirado evita restrições desnecessárias, melhora a qualidade de vida do paciente e evita déficit nutricional em longo prazo, especialmente de oligoelementos (cálcio e vitamina D)4,5.

1. Passos MCF. Síndrome no Intestino Irritável. Dani R, Passos MCF. Gastroenterologia Essencial. Guanabara Koogan, Rio de Janeiro, 4ª ed., 2011; 442- 448. 
2. Eisenmann A, Amann A, Said M, Datta B, Ledochowski M. Implementation and interpretation of hydrogen breath tests. J Breath Res 2008; 2: 1- 9.
3. Halmos P Emma, Power Victoria A, J. Shepherd Susan, R. Gibson Peter, Muir  Jane G,. A Diet Low in FODMAPs Reduces Symptoms of Irritable Bowel Syndrome. Gastroenterology 2014;146:67–75.
4. Marcela Kopacova, Associate Professor, MD, PhD, Series Editor. Small intestinal bacterial overgrowth syndrome. World J Gastroenterol 2010 June 28; 16(24): 2978-2990.
5. McKenzie YA, Alder A, Anderson W et al. British Dietetic Association evidence-based guidelines for the dietary management of irritable bowel syndrome in adults. J Hum Nutr diet 2012; 25(3):260-74.